Viajar na pandemia: um manual de boas práticas

Tempo de leitura: 8 minutos

A pandemia do coronavírus atrapalhou muitos planos de viagem em 2020 – fronteiras fechadas, voos cancelados e muita incerteza. Em 2021 o cenário já começou a mudar! A vontade de viajar na pandemia está maior do que nunca e hoje já é possível realizar a viagem dos seus sonhos.

Mas, é claro, é preciso algumas recomendações muito importantes para que sua experiência seja a melhor possível nesse momento.

Muitos destinos já possuem o selo “Safe Travels” – criado pela WTTC (World Travel & Tourism Council), que é o Conselho Mundial de Viagens e Turismo. O seu objetivo é reconhecer os destinos turísticos que adotaram protocolos de saúde e biossegurança para receber os viajantes adequadamente neste período.

Portanto, pode viajar! Mas, para isso, é preciso estar atento a alguns cuidados para fazer uma viagem tranquila, preservando a sua saúde e a de quem estiver ao seu redor.

Separamos algumas dicas fundamentais para viajar na pandemia. Vamos conferir?

Como fazer uma viagem segura?

Para embarcar
Lembre-se de usar uma máscara descartável (do tipo N-95) e protetor facial (face shield) quando for embarcar nos voos. Não esqueça de levar máscara extra para trocar durante o voo, pois a recomendação é trocar o utensílio a cada 2 horas.

Nos hotéis
Muitos hotéis estão servindo o café da manhã sob demanda. Ou seja, o hóspede se direciona até o salão que será servida a refeição, mas deverá pedir o que deseja comer a um funcionário do hotel. Assim, o prato será preparado e servido diretamente na mesa.

Os hotéis, atualmente, não estão servindo o café da manhã tipo buffet por medida de segurança para os hóspedes. Sempre que for se locomover pelo hotel, esteja de máscara.

Durante os passeios

Esteja sempre com máscara durante o tour inteiro. Neste caso, poderá utilizar máscara de pano sem problemas. Não esqueça que ela precisa estar cobrindo o nariz e a boca! Evite tocar na máscara e, na hora que for retirá-la, pegue-a pelo elástico das laterais. Mesmo aquelas feitas de pano também precisam ser trocadas a cada 2 horas.

Higienize as mãos
Lave bem as mãos com água e sabão sempre que possível. Quando não puder, utilize o álcool em gel. Sempre leve com você um frasco para utilizar durante os tours ou mesmo quando for simplesmente caminhar pela cidade..

Check-in online
Ao viajar na pandemia, opte pelo check-in online dos seus voos. Assim, você evita diversos pontos de contato “desnecessários”. Você poderá apresentar seu cartão de embarque diretamente em seu smartphone na hora do embarque.

Bagagem
Se possível, tente viajar somente com a bagagem de mão. Dessa forma, você também evitará diversos pontos de contato que podem ser arriscados e poupará seu tempo quando chegar ao destino.

Geralmente, o local das esteiras de bagagem fica com aglomeração dos viajantes esperando suas malas despachadas chegarem. Mas se você viajar apenas com mala de mão, não precisará ficar esperando no meio da aglomeração.

Contato

Evite cumprimentar as pessoas com abraços ou toques com as mãos. Sabemos que faz parte da nossa cultura e que é algo natural nosso, porém, em período de pandemia, é importante evitar cumprimentos calorosos.

Aglomerações
Sempre que for possível, evite locais muito cheios, especialmente se for um ambiente fechado. Tente manter uma distância segura dos demais visitantes e não deixe para comprar ingressos na hora, pois assim não precisará pegar filas!

Restaurantes
Dê preferências para restaurantes e bares que estejam respeitando o distanciamento entre as mesas e trabalhando com a lotação reduzida. Sempre que for se levantar para ir ao banheiro ou para pagar a conta, esteja usando máscara.

Seguro Viagem
Para qualquer viagem internacional, o seguro viagem é extremamente recomendado. Ao viajar na pandemia, essa necessidade se torna ainda mais intensa! Mesmo que o seguro não possua cobertura específica para a covid-19, é importante ter um, assim você poderá ficar mais tranquilo, sabendo que terá cobertura caso passe por algum problema.

Como a pandemia pode interferir na minha viagem?

Todo mundo precisou se adaptar ao “novo normal”, buscando trazer o máximo de segurança possível para si mesmo e para quem está ao redor. O mesmo aconteceu com hotéis, restaurantes, companhias aéreas e todo o segmento turístico.

Listamos algumas mudanças que ocorreram e podem impactar na hora de viajar na pandemia:

A máscara é obrigatória
Esteja ciente de que a máscara é muito importante para evitar o contágio do coronavírus. Portanto, ao viajar na pandemia, ela deverá ser utilizada em todos os momentos, desde a saída do Brasil até o seu retorno.

Faça o teste de covid para embarcar
Muitos países estão solicitando o exame do PCR negativo para aceitar a entrada do visitante no país. Para alguns destinos, somente o exame de Antígeno negativo já é suficiente. Entretanto, para outros é necessário apresentar o PCR (prova molecular) comprovando o resultado negativo. Muito importante estar atento ao prazo permitido para fazer o exame! Caso o exame seja realizado fora do limite exigido, isso poderá te impedir de entrar no país. Fique atento!

Temperatura

Em hotéis, embarques, restaurantes, museus, passeios e lojas a sua temperatura poderá ser medida por um termômetro digital. Geralmente mede-se a temperatura pelo punho ou pela testa.

Padrões de higiene
Os estabelecimentos, bem como os hotéis e as companhias aéreas, estão com novos padrões de higiene neste momento de pandemia. A limpeza dos ambientes está mais frequente e rigorosa, álcool em gel está sendo disponibilizado aos consumidores, os funcionários estão utilizando máscara e podem estar utilizando também o protetor facial e inclusive luvas.

Redução da capacidade máxima
Muitos empreendimentos estão com sua capacidade de lotação reduzida para evitar aglomerações e garantir um distanciamento seguro entre os clientes. Quando for sair para comer em algum restaurante, opte por locais que estejam adequados nesse novo conceito, tendo mesas vazias marcando o distanciamento entre as mesas ocupadas.

Quarentena obrigatória
Vários governos estão decretando quarentena obrigatória a todos os turistas que cheguem ao país. Geralmente, o período de isolamento é de 14 dias e o turista estrangeiro fica acomodado em algum espaço pertencente ao Governo que estará adaptado para este tipo de situação (como Vila Olímpica, Universidades, escolas, etc).

O passageiro pode optar por ficar hospedado em um hotel durante esse período de isolamento, mas o hotel precisa fazer parte da lista dos recomendados pelo Ministério da Saúde do país. Os custos para ficar no hotel são por conta do próprio passageiro.

Documentação extra
Além do exame negativo para a covid-19, muitos países estão exigindo que o visitante preencha um formulário online chamado “Declaração Jurada de Saúde”. Este formulário é disponibilizado no site oficial dos governos e deverá ser respondido antes do embarque.

Esteja atento se seu país de destino está exigindo esta declaração. Para o retorno ao Brasil, também é exigido o preenchimento do formulário online de Declaração de Saúde do Viajante disponível no site da Anvisa, além do exame PCR negativo.

Exame PCR de retorno ao Brasil

Desde o dia 30 de dezembro de 2020 o Brasil está exigindo o exame PCR com resultado negativo de todas as pessoas que estejam chegando ao país. O exame deverá ser feito em até 72 horas antes do embarque e o resultado deverá ser apresentado no ato do embarque em seu país de origem.

Fique atento, pois o Brasil não está aceitando outros tipos de exames, somente o PCR. Também esteja atento ao prazo que o exame pode ser realizado! Saiba mais.

Exame PCR positivo
Infelizmente pode acontecer que, ao regressar ao Brasil, o turista teste positivo para a covid-19.

Em casos assim, será necessário cumprir a quarentena no país até a realização de um novo exame que dê resultado negativo para covid-19. Custos de diárias extras, remarcação de voos, alimentação, entre outros, ficam por conta do passageiro nestes casos.

Em caso de o passageiro possuir um seguro viagem com cobertura para a covid-19, deve-se entrar em contato com a seguradora para dar entrada nos procedimentos.

Gostaram das nossas dicas para viajar na pandemia?

Essas foram as nossas dicas para você poder fazer uma viagem segura e tranquila enquanto a vacina não chega.

Importante mencionar que novas exigências podem surgir a qualquer momento, portanto, as informações contidas aqui estão passíveis de alterações.

Nestes momentos, o suporte de um agente de viagem poderá fazer toda a diferença na sua experiência de viagem. Isso porque ele estará apto para passar as informações oficiais de cada país, garantir suas reservas com antecedência e te dar todas as instruções necessárias para que você possa aproveitar sua viagem da melhor forma possível!

Viaje com segurança e apoio profissional.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *